• Shortcuts : 'n' next unread feed - 'p' previous unread feed • Styles : 1 2
aA :  -   + pdf Infos Unsubscribe

» Publishers, Monetize your RSS feeds with FeedShow:  More infos  (Show/Hide Ads)


Date: Wednesday, 27 Nov 2013 12:45

Ainda lembram do Ubuntero On Air? Ele tinha nascido e fizemos apenas 2 episódios e depois acabamos usando os hangouts apenas para a gravação do Opencast. Ao tentarmos fazer mais uma gravação, participante convidado não pode comparecer devido a problemas no trabalho e acabamos batendo um papo bem ao estilo Papo de Buteco onde quem estava assistindo pode nos fazer perguntas e nós íamos respondendo.

Após encerrar a transmissão, conversamos um pouco mais e resolvemos reavivar o Ubuntero On Air no mesmo estilo que fizemos este.

Como vai funcionar?

  • Toda a semana que não tiver Opencast novo, terá um Ubuntero On Air. Isso significa que será quinzenal
  • Todos poderão fazer perguntas via perguntas e respostas do Google+, então é necessário que circulem o nosso perfil no G+
  • Horário de início fixo, 21 horas
  • Horário de fim fixo, 23 horas
  • Dia da semana fixo, quartas-feiras
  • Os convidados serão os mais diversos e não teremos restrições quanto a qual comunidade ele pertence

Sempre estaremos abertos para novas sugestões, podem nos mandar pelo email ubuntero@ubuntero.com.br ou pelas redes sociais. A única coisa que não temos como mexer é no dia da semana, mas acredito que como temos duração determinada, não será problema.

Fique com o Ubuntero On Air #3.

Assistir no Youtube

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "On Air, Ubuntu, Linux, on air"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Wednesday, 20 Nov 2013 20:02

opencast-30

Mesmo com a sabotagem do Google, conseguimos gravar mais um episódio do Opencast. Não é desta vez que o episódio será sobre openSUSE, mas logo este episódio estará no ar.

Neste episódio Aprígio Simões, Diego, Ivan e Og Maciel bateram um papo totalmente sem pauta discutida previamente. Começamos falando sobre o codec H264, passamos pela retirada dos servidores de DNS do Google do Brasil, fim do suporte ao formato antigo do Microsoft Office, polêmica em torno do site fixubuntu.com, vários devaneios sobre o que pode vir a ser o SteamBox e SteamOS e terminamos discutindo sobre o Tizen e Android.

Lembrando a todos que o Opencast oficial é aquele ali de cima somente em áudio, o vídeo da gravação é um bônus para quem gosta de olhar para nossas caras feias.

Links do episódio

Se você preferir, pode assistir ao vídeo da gravação do Opencast. O vídeo está quase sem edição da conversa, apenas retirada a parte inicial onde não falamos nada de importante. É até interessante para compararem como fica o trabalho pós edição.

Assistir no Youtube

Twitter: @ubunterobr

Facebook: http://facebook.com/Ubunterobr

Google+: http://plus.google.com/+ubunterobr

Youtube: http://youtube.com/ubunterobr

E-Mail: opencast@ubuntero.com.br

Feed do Opencast: http://www.ubuntero.com.br/feed/opencast/

iTunes: http://itunes.apple.com/br/podcast/id424732898

Todas as músicas de fundo na versão mp3 e a música de abertura da versão em vídeo são do Josh Woodward

Attached Media: audio/mpeg (71 879 ko)
Author: "Ubuntero" Tags: "OpenCast, Ubuntu, Android, Canonical, dn..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Tuesday, 19 Nov 2013 10:32

Se você não prestou atenção nos emails enviados pelo Ubuntu, não viu que os servidores do UbuntuOne passaram por manutenção e é necessário que seja feito um procedimento simples. Remover a conta e adicionar novamente. Caso não faça isto, seus arquivos podem não ser sincronizados até lá.

A mensagem que o Ubuntu enviou para os usuários do UbuntuOne é a seguinte:

Hi,

We are continually enhancing the security of all the Ubuntu One services
(login, payments, file syncing, etc).
In the past week we have made some changes to our servers that may log you out
of the Ubuntu One clients on Ubuntu, Windows, Mac, Android or iOS.

In order to get them working again, just remove and add your account again.
You can find instructions for each platform in our FAQ if you don't know how:

https://one.ubuntu.com/help/faq/

We are working to improve our clients to handle this situation better in the
future, making it a seamless experience while still not compromising on
security.

If you have any questions, don't hesitate to contact our support team:

https://one.ubuntu.com/help/contact/

Kindly,

The Ubuntu One team

Para remover, o procedimento é simples. Primeiro, pare o Ubuntu One como na imagem.

ubuntuone-2

Agora procure por UbuntuOne no Dash e abra-o.

ubuntuone-1

Digite seu email e sua senha.

ubuntuone-3

Pronto, agora seu UbuntuOne deve estar normalizado.

ubuntuone-4 ubuntuone-5

Este procedimento também deve ser feito em dispositivos Android, Mac, iOS e Windows.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, Android, ios, Linux, mac, ubuntu..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 18 Nov 2013 17:50

Após uma atualização do cliente de Twitter Polly, não consegui mais abrir o programa. Fui notar isso só alguns dias após fazer a atualização devido ao feriadão onde não tinha internet disponível para acessar o programa.

O erro que estava sendo mostrado é o seguinte:

Polly 0.93.11 (pre-alpha 3.11)
Copyright (C) 2011 Marcelo Hashimoto
cache path: /home/ivan/.cache/polly
config path: /home/ivan/.config/polly
data home: /home/ivan/.local/share/polly
Traceback (most recent call last):
  File "/usr/bin/polly", line 241, in <module>
    from polly import setting, gui
  File "/usr/lib/python2.7/dist-packages/polly/__init__.py", line 344, in <module>
    import external, setting, proxy, shortener, iconset, twitter, gui
  File "/usr/lib/python2.7/dist-packages/polly/gui/__init__.py", line 177, in <module>
    import frontend, dialog, color, font, theme, basic, status, twitter, header, indicator, stream, shell
  File "/usr/lib/python2.7/dist-packages/polly/gui/twitter/__init__.py", line 992, in <module>
    import lead, post, topic, shelf, database, account
  File "/usr/lib/python2.7/dist-packages/polly/gui/twitter/account.py", line 40, in <module>
    from polly.external import keyring
  File "/usr/lib/python2.7/dist-packages/polly/external/keyring/__init__.py", line 9, in <module>
    from keyring.core import set_keyring, get_keyring, set_password, get_password
ImportError: No module named keyring.core

O mais importante nestas linhas todas é a última linha que diz exatamente o que está faltando no sistema(ok, nem tão exatamente assim).

A solução é bem simples, basta instalar o pacote python-keyring que não está na lista de dependências do pacote polly. Para instalar, abra a central de programas do Ubuntu e procure por python-keyring.

Selecione o pacote e clique em instalar.

python-keyring

Digite a sua senha e aguarde o pacote ser instalado. Após isso é só abrir o programa como sempre fez.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, bug, keyring, Linux, Polly, pyth..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 11 Nov 2013 00:56

miniatura

Neste episódio do Videocast  falo um pouco sobre uma coisa que muitas vezes me irrita, as “distribuições” refisefuqui. Com muita frequência me pedem para fazer reviews de “distribuições” refisefuqui e neste vídeo poderão entender por que eu acabo nunca fazendo.

Assistir no Youtube

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Geral, VídeoCast, debian, diolinuxos, F..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Saturday, 09 Nov 2013 13:37

thumb modelo

E o grande vencedor da semana foi:JACIMAR FONSECA

Entraremos em contato por e-mail entregando a chave do jogo, confira a lista de participantes em ordem de sorteio.

eats-munchies

Obrigado a todos que participaram, e ja temos um novo game para quem quiser participar e concorrer ao jogo eets Munchies. Clique aqui.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Jogos, Ubuntu, eets, Linux, munchies, St..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Thursday, 07 Nov 2013 10:00

Não é segredo para ninguém que eu e o Google não nos damos muito bem e que me envergonha quem adora esta empresa. Não estou falando dos casos de “auxílio” em “investigações” feitas pela NSA, estou falando da péssima qualidade da maioria de seus softwares. Infelizmente, muitos fãs não conseguem ver isto.

Pela terceira vez o Google nos impediu de gravar um hangout. Novamente após uma atualização de seu software, o próprio hangout. A mudança de interface foi boa no quesito visual, mas não está funcionando adequadamente. O controle de qualidade da imagem para se adequar a velocidade da conexão simplesmente não funciona. Tivemos problemas para enviar os convites para os convidados que sequer receberam. Quando cliquei para iniciar o hangout ao vivo, me pulou um erro de servidor e eu não consegui mais voltar para ao hangout que eu tinha começado, os convidados que já tinham entrado continuaram conectados, mas impossibilitados de prosseguir. Sempre que isto acontece, preciso de pelo menos 24 horas para começar ou participar de algum hangout.

O google chrome é um software que jogou no lixo o sistema de versionamento, lançando uma nova versão a cada pixel que muda de lugar. Além disso, engana seus usuários dizendo que usa pouca memória, enquanto se divide em vários processos que consomem o dobro ou até o triplo da concorrência. Velocidade, apenas quem quer consegue ver isto como vantagem, pois ela não está lá.

O Android, que era o que eu ainda defendia um pouco, agora declarou a obsolescência programada dando suporte de 18 meses a aparelhos, uma verdadeira piada.

Está explicado porque o Opencast ainda não foi ao ar. Já estou analisando outras alternativas, mas todas envolvem pararmos de disponibilizarmos vídeos e áudio ao vivo.

PS: Falei de alguns softwares apenas, mas se alguém quiser discutir mais a fundo, posso citar vários outros bugs muito feios que vejo em outros softwares, além do desrespeito da empresa com seus usuários.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Geral, chrome, Google, hangout, Opencast"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 04 Nov 2013 18:02

icone-dropbox

Não utilizo o Dropbox por dois motivos, apenas 2 GB de armazenamento e por ter o UbuntuOne com 6 GB disponíveis para mim. Mesmo assim, sei que muitos de vocês são usuários dele e muitos estão com problema no Ubuntu 13.10. O problema é que o ícone não aparece na bandeja do sistema.

Haters vão dizer:

“Viu como o Ubuntu é bugado?!”

Sinto informar que o bug é exclusivo do Dropbox que não adiciona uma dependência em seu pacote. Para resolver o problema é bem simples, instale o pacote libappindicator1 pela Central de Programas ou pela linha de comando com o comando abaixo:

sudo apt-get install libappindicator1

É necessário reiniciar a sessão para que o ícone passe a aparecer.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, 13.10, dropbox, Linux, nuvem"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 04 Nov 2013 15:30

Na última semana foi sorteado o Jogo Brutal Legend e nesta semana o jogo a ser sorteado é RocketBirds.

Brutal Legend é o Jogo da Semana

Para participar do sorteio deste game, acesse esse link e veja os detalhes. Lembrando que todos os jogos sorteados estão disponíveis para Linux.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Jogos, Ubuntu, Linux, rocketbirds"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 04 Nov 2013 13:00

Gnome Ubuntu

Usuários do Ubuntu GNOME, sua distribuição precisa da sua contribuição. Em seu site, o projeto está pedindo uma grande ajuda visando a próxima versão do Ubuntu que será uma LTS, 14.04.

Para poder lançar uma versão LTS, como os outros sabores do Ubuntu farão, o projeto precisa de pessoas dedicadas para as seguintes funções:

  • Controle de Bugs para comitar os mesmos para a triagem
  • Muitas pessoas para arrumar os bugs encontrados
  • Pessoas para ajudar no empacotamento nos PPA’s

O projeto também destaca que precisa de pessoas com conhecimento e experiência e comprometidas para trabalhar por 2 ou 5 anos e não para apenas alguns meses.

Se você tem o conhecimento e experiência necessários para ajudar o projeto ou conhece alguém que os tenha, entre em contato diretamente com amjjawad.

Fonte: Ubuntu GNOME

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, 14.04, Gnome, Linux, lts"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 04 Nov 2013 11:28

Videocast 47 sobre o Debian

Como prometido lá no Opencast #28, passei uma semana utilizando o Debian 7.2 e aqui falo um pouco sobre minha experiência. Quero lembrar que o que for dito neste vídeo é baseado na minha experiência e minhas opiniões podem ser diferentes das suas, o que não quer dizer que apenas eu ou você estamos certos, na verdade nós dois estaremos certos.

Resumindo o que verão no vídeo, o instalador do Debian, mesmo gráfico, não é o mais amigável que eu já vi, mas é melhor que o do Fedora e pior que do Ubuntu. O sistema precisa de bastante empenho para ficar bom para ser usado como desktop, faltam facilitadores, mas isso já era de se esperar pelo que li e conversei sobre o sistema.

A versão dos pacotes também é um problema que eu já estava esperando. Tentei durante um dia ficar com o que me é oferecido na instalação, mas no segundo dia já estava utilizando os repositórios testing e no terceiro dia em diante migrei para o unstable.

Minha conclusão é que se você quer ter o controle sobre seu computador, o Debian é uma boa opção, já se você quer instalar o sistema e simplesmente usar, procure outra distribuição, o Debian não lhe fará feliz.

Quer ver a análise completa? Assiste o vídeo então.

Assistir no Youtube

Links

 

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, VídeoCast, debian, Linux, Revie..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Friday, 01 Nov 2013 22:25

Mais um sorteio chegando ao fim (primeiro com a parceria do Ubuntero) e mais um gamer feliz na nossa promoção semanal, dessa vez #ojogodasemana presenteou o leitor Francisco Ramos, ele já recebeu por E-mail a Key na Steam para o game.

Brutal Legend é o Jogo da Semana

E se você não ganhou não fique triste, já tem um novo sorteio rolando, RocketBirds, corre lá!

Rocket Birds é O jogo da Semana

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Jogos, Ubuntu, Games, Linux, ojogodasema..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Tuesday, 29 Oct 2013 10:00

O mês de outubro é uma festa para a TDF e para todos que apostaram no projeto LibreOffice. Foi em outubro de 2010 que algumas pessoas resolveram mudar o rumo das coisas, que na época estavam paradas e sob as ordens de uma grande empresa, levando o projeto para um grupo que abraçou a causa e revolveu seguir sob a tutela de uma fundação. O grupo recebeu o apoio de pessoas de todo o mundo e deu nisso: 3 anos de LibreOffice. Sucesso!

Ao redor do mundo tem o apoio das comunidades para todas as fases, desde o desenvolvimento, indo pela divulgação, utilização etc. E a comunidade brasileira não poderia deixar de registrar sua marca dentro do projeto. E assim em outubro de 2012, foi lançada a 1ª Edição da revista LibreOffice Magazine, pela comunidade brasileira, dentro de um dos mais importantes eventos sobre software livre no Brasil: Latinoware. O projeto é internacional, mas não há em outro país, senão no Brasil. Sucesso!

E depois de comemorar, mesmo que seja só na imaginação, leia a revista. Falamos de LibreOffice nas dicas, tutoriais e depoimentos de vários colaboradores. Do Openfire – software livre para comunicação interna. Sobre a necessidade que o mercado empregador tem de pessoas com formação tecnológica e finalizamos a série sobre o kernel Linux com o último artigo. E para contar um pouco dos acontecimentos dos últimos 3 anos temos um texto de Eliane Domingos, falando desde o incio do projeto LibreOffice até a comemoração dos 3 anos do projeto e de 1 ano da revista.

Baixe já o seu exemplar

Baixe já o seu exemplar

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, LibreOffice, LibreOffice Magazin..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 28 Oct 2013 21:15

Toda a semana o Diolinux e o Canal Strondus Games com apoio da LinuxSociALL, Ubuntu Dicas e a partir de agora o Ubuntero sorteiam um super jogo para você!

#ojogodasemana - Brutal Legend

Para comemorar um mês de existência da promoção semanal o jogo a ser sorteado é o Brütal Legend. Brutal Legend está disponível na Steam para Linux, Windows e Mac OS,  é um jogo de ação e aventura criado pela Double Fine Productions e publicado pela Electronic Arts. Tim Schafer, diretor do jogo, foi inspirado nas experiências próprias de seu passado musical.

Assistir no Youtube

O personagem principal do jogo se chama Eddie Riggs, dublado e modelado a partir das características de Jack Black , um roadie que é transportado para um mundo fantasioso inteiramente forjado pelo heavy metal. Junto com Jack Black, o jogo também trás famosos músicos do heavy metal como Lemmy Kilmister do Motörhead, Rob Halford do Judas Priest, Ozzy Osbourne e Lita Ford e outras celebridades como o ator Tim Curry, além de uma trilha sonora com 107 faixas, de variadas vertentes do Metal, selecionadas por Tim Schafer para o jogo.

Eu tenho este jogo e posso garantir que é espetacular com muitas referências para quem gosta de heavy metal. Corre participar do sorteio. Para se inscrever basta acessar este link e seguir as instruções, o resultado sai na próxima sexta-feira dia 01/11/13.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Jogos, Ubuntu, brutal legend, jogodasema..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 28 Oct 2013 02:20

miniatura-videocast-46-latinoware

Entre os dias 16 e 18 de outubro ocorreu a décima edição da Latinoware e eu estive no evento para representar o site e acabei sendo o representante do Ubuntu-BR-RS. Participei de maneira tímida, já que não estava preparado para isto, era para ser apenas mais um participante.

Estive presente no evento apenas nos dois primeiros dias devido a um compromisso pessoal que me fez pegar a estrada antes da hora, mas deu para fazer bons contatos, conhecer gente nova e reencontrar velhos amigos.

Quer saber alguns detalhes a mais? Assiste o vídeo. O áudio ainda não está como eu quero, mas foi erro meu ao regular o volume do microfone e o posicionamento, no próximo estará muito melhor.

Assistir no Youtube

Links

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, VídeoCast, latinoware, Linux"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Friday, 25 Oct 2013 16:23

pesquisa-steam-1

Já falamos no Opencast sobre a pesquisa que a Valve faz referente ao uso da Steam, mas não tínhamos imagens ou mais dados.

Já foi discutido também que não faria sentido a Valve fazer uma pesquisa já que ela tem um programa no computador dos usuários que pode fazer esta coleta e enviar para seus servidores, ou até mesmo usar a conexão com seus servidores para que essa informação seja enviada assim que um cliente se conectar. Isso seria possível sim, mas seria bem anti-ético, já que isto não é informado nos termos que são aceitos para se cadastrar no sistema.

Os dados coletados pela pesquisa são compilados e um relatório é gerado com as informações de Sistema Operacional e o hardware utilizado pelos usuários. Deste que a Steam estreou no Linux, esse número tem caído e muitos rumores surgem como a descontinuidade da versão para Linux(isso já não se sustenta depois que a Valve anunciou seu próprio console baseado em Linux). Outra coisa que tira a sustentação desta tese e justifica os números é que utilizo a Steam desde que foi lançada para Linux e respondi a pesquisa apenas pela segunda vez e sei que muitos usuários de Linux jamais viram esta pesquisa.

Para quem nunca viu a pesquisa, seguem algumas telas.

pesquisa-steam-1 pesquisa-steam-2 pesquisa-steam-3 pesquisa-steam-4 pesquisa-steam-5

Acredita agora que os números de uso da Steam não mostram a realidade?

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Jogos, Ubuntu, Linux, pesquisa, Steam"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Friday, 25 Oct 2013 11:16

tirinha-sudo

Uma prática muito usual entre novos e experientes usuários é a utilização do comando sudo. Ele é muito útil por permitir executar comandos administrativos sem que seja necessário logar-se com o usuário root. Porém, vejo muita gente cometendo um erro e esse é muito difundido por sites que deveriam difundir a maneira correta de se fazer as coisas.

A primeira coisa que temos que corrigir é que o sudo não serve apenas para executar programas como root, ele serve para executar como qualquer outro usuário, depende da política de segurança em suas configurações, o padrão do Ubuntu é executar como root.

A ideia deste post não é falar sobre todas as possibilidades apresentadas pelo comando sudo, mas sim falar sobre uma prática que não é a ideal, o uso do comando “sudo su”. Já vi muita gente dizendo que usou o comando “sudo su” e não conseguiu executar comandos ou obteve erros na execução, claro que só fiquei sabendo que tinha sido usado o “sudo su” depois de muita conversa.

Ao usar o comando “sudo su”, você usará o usuário root para fazer suas tarefas sem precisar digitar novamente o comando sudo, porém, você não fez o login como usuário root e arquivos essenciais não foram carregados como o .profile e o .login além de variáveis de ambiante que são específicas do usuário root.

Como resolver este problema então?

Simples, utilize o comando “sudo -i”. Desta forma você continua tendo a mesma funcionalidade, mas agora você será realmente o usuário root e terá carregado tudo o que é necessário para realmente ser considerado um super usuário no Linux, sem precisar habilitar este usuário.

Mesmo mostrando como fazer, eu ainda prefiro não utilizar nenhum dos comandos, o ideal é usar o comando “sudo -i comando” que terá o mesmo efeito, mas será só para o comando que está executando, o que evita problemas futuros.

Gostou da dica? Compartilha nas suas redes sociais!

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, Linux, segurança, sudo"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Tuesday, 22 Oct 2013 15:20

os-linux-1310

O Debian continua no topo, mas o Ubuntu está chegando lá com um crescimento muito alto e constante.

Como já era de se esperar, o Debian continua dominando o mercado de servidores com 32,5% das instalações, seguida pelo Ubuntu e CentOS com 26% e pela Red Hat com 9%. Juntos, Debian e Ubuntu somam incríveis 58,5% do mercado de servidores, bem acima da soma da Red Hat, Fedora e CentOS que é de 38% aproximadamente.

O que é mais interessante neste gráfico é o crescimento do Ubuntu que é constante desde janeiro de 2011. O gráfico ainda traz informações interessantes sobre as tecnologias utilizadas em cada sistema. O CentOS é mais usado entre desenvolvedores Java e Perl. O Debian é mais utilizado entre desenvolvedores PHP e Python. Já o Ubuntu é mais popular entre os desenvolvedores Ruby e Javascript.

Outra informação interessante é a respeito do servidor web que os sistemas costumam rodar. Enquanto no CentOS o domínio é do Apache, no Debian o domínio é do Nginx.

Fonte: W3Techs

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, apache, centos, debian, Fedora, ..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Tuesday, 22 Oct 2013 13:03

trust-tahr

Mark Shuttlerworth, ao falar sobre o lançamento do Ubuntu 13.10, anunciou o nome do Ubuntu 14.04, Trusty Tahr. O bichinho da foto aí de cima é uma espécie de cabra selvagem que representa resistência e coragem. Estes adjetivos me levam a crer que a próxima versão terá a estabilidade que é esperada de uma versão LTS, mas também terá a coragem da implantação do novo servidor gráfico Mir, mesmo sem os exaustivos testes que teríamos se o mesmo estivesse já disponível por padrão na versão 13.10.

Além do nome da próxima versão, temos também o seu calendário de lançamentos. Como muita gente sempre confunde as informações contidas no calendário, seguem as datas mais importantes.

  • Alpha 1(para os sabores) – 19 de dezembro de 2013
  • Alpha 2(para os sabores)  – 23 de janeiro de 2014
  • Beta 1(para os sabores) – 27 de fevereiro de 2014
  • Beta Final – 27 de março de 2014
  • Candidata a versão final – 10 de abril de 2014
  • Versão Final – 17 de abril de 2014

Os “sabores” do Ubuntu são as distribuições como Xubuntu, Kubuntu, Lubuntu, Ubuntu-GNOME e outras.

Author: "Ivan Brasil Fuzzer" Tags: "Ubuntu, 13.10, 14.04, Calendário, Linux..."
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Date: Monday, 21 Oct 2013 22:14

Print Screen do Ubuntu 4.10 Print Screen do Ubuntu 13.10

Em 20/10/2013 a distribuição GNU/Linux Ubuntu comemorou 9 anos do lançamento de sua primeira versão.

O Ubuntu 4.10 (The Warty Warthog) foi lançado em 20 de outubro de 2004 baseado na distribuição Debian, com a proposta de ser um sistema operacional Linux de fácil utilização, para que qualquer pessoa consiga usar sem dificuldades.

A cada 6 meses é lançada uma nova release. Em 17 de outubro de 2013 foi lançado o Ubuntu 13.10, 19ª versão do sistema com visual completamente diferente comparando-se com a primeira versão.

Algumas mudanças que ocorreram durante esses 9 anos:

- Até a versão 10.10 os Live CD’s de instalação eram distribuídos gratuitamente. Agora os Live CD’s podem ser adquiridos na loja virtual da Canonical (http://shop.canonical.com/) ou com os LoCo Teams que distribuem os mesmos em eventos aonde o Ubuntu está representado.
- Até a versão 9.10 as cores predominantes eram o marrom e o castanho. Após as cores predominantes passaram a ser o laranja e o roxo.
- Até a versão 12.04 o CD de instalação ocupava 700 MB no disco. A partir da versão 12.10 é necessário gravar a imagem ISO em um DVD ou pendrive, pois a imagem ultrapassa o limite de 700 MB de gravação de um CD.
- Até a versão 10.10 a interface padrão do Ubuntu era o GNOME. O Ubuntu 11.04 estreou a nova interface padrão chamada de Unity, considerada um divisor de águas para a distribuição Ubuntu.
- Até a versão 10.04 o tempo de suporte das versões LTS era de 3 anos para Destop e 5 anos para a versão Servidor. A partir da versão 12.04 o tempo de suporte das versões LTS são de 5 anos, tanto na versão Desktop como na Servidor.

Mas a grande mudança, que na verdade é um novidade, foi o lançamento do Ubuntu Touch em 17 de outubro de 2013. Trata-se da primeira versão do Ubuntu para dispositivos móveis (smartphones e tablets). Você pode conhecer mais sobre o Ubuntu Touch em um Videocast aonde apresentamos o sistema funcional.

A cada lançamento novas funcionalidades são adicionadas, mantendo sempre o foco em usabilidade, acessibilidade e internacionalização. Assim milhões de pessoas poderão usar o Ubuntu ao redor do mundo e de forma gratuita.

Fique com um vídeo com a demonstração do Ubuntu Touch:

Assistir no Youtube

Author: "Rudinei Weschenfelder" Tags: "Ubuntu, aniversário, Linux"
Comments Send by mail Print  Save  Delicious 
Next page
» You can also retrieve older items : Read
» © All content and copyrights belong to their respective authors.«
» © FeedShow - Online RSS Feeds Reader